WhatsApp Ligue agora

5 mitos e verdades sobre lâmpadas de LED

Atualmente o Brasil está passando por uma grande crise energética provocada pela falta de chuvas e consequente diminuição dos reservatórios de água das usinas hidrelétricas. Isso fez com que o preço da energia elétrica no país tivesse um grande aumento, afetando a economia doméstica da população. Nessas horas a palavra de ordem é economizar, e uma das maneiras de se economizar energia é trocando sua lâmpada por uma lâmpada de LED. Neste artigo vamos falar 5 mitos e verdades sobre o LED.

O que é LED

LED é a sigla para light-emitting diode, diodo emissor de luz em português. O diodo é um componente eletrônico que permite que a corrente elétrica passe somente em um sentido, como numa rua de mão única. O diodo foi descoberto em 1873 mas só em 1962 o primeiro LED foi produzido. Todos conhecemos muito bem um LED. Aquela luzinha que fica acesa quando desligamos a TV, por exemplo, é um LED.
Inicialmente só existia o LED vermelho, de baixa intensidade luminosa. Depois vieram as cores amarela (final dos anos 60), verde (1975). Nos anos 80 o LED vermelho atingiu maior intensidade luminosa, permitindo o processo de substituição de lâmpadas, principalmente na indústria automotiva.
Em 1993 foi criado o LED azul, cor necessária para produzir luz branca quando combinadas com a vermelha e verde. O LED azul rendeu o Nobel da Física para seus criadores, principalmente por sua utilidade. A tela do seu smartfone utiliza os três LEDs. Já há no mercado LEDs que emitem luz branca, mas a combinação de cores é mais barata e acessível.
Mitos e verdades sobre o LED

Lâmpada LED não esquenta

MITO: os LEDs esquetam, mas não liberam este calor para o ambiente devido ao uso de dissipadores térmicos, permitindo que a tempertura fique dentro dos limites especificados pelo fabricante. Isso também contribui para o aumento da sua vida útil. Esta característica também impede que uma lâmpada de LED seja usada em uma luminária normal, o que pode fazer o LED queimar.
É preciso adaptadores para ligar as lâmpadas LED
MITO: Existem vários modelos no padrão brasileiro E27, mas há outros modelos que necessitam ataptação.
LED não tem boa iluminação
MITO: uma lâmpada LED de 8 W tem a mesma luminosidade que uma compacta fluorescente de 15 W. Uma eficiência 53% maior.
LEDs não queimam

VERDADE, se utilizados da maneira correta. Não havendo sobrecarga de temperatura ou tensão, que pode fazer ele queimar, somente sua intensidade luminosa cai com o tempo. LEDs tẽm uma vida útil de 20 mil a 50 mil horas. Depois de todo este tempo há uma perda de cerca de 30% na luminosidade. Você pode até deixar as crianças brincarem de acender e apagar a lâmpada que não há problema
A lâmpada LED é mais cara

VERDADE: a diferença de preço de uma lâmpada LED para sua equivalente fluorescente pode ser mais de 100%, mas sua economia pode chegar a 90% por ano na sua conta de luz. Como visto acima, as lâmpadas LED não queimam, fazendo o investimento valer a pena.

 

Fonte: eletroenergia
Imagem: www.immonet.de

ENVIAR MENSAGEM
%d blogueiros gostam disto: